SOCORRO 24H 0800 601 4055

Área do associado
Lembrar senha

Como transportar crianças com segurança

Transportar crianças com segurança – Uma coisa pode ter certeza: crianças adoram passear de carro durante o final de semana e sempre a diversão toma conta. Porém, devemos lembrar que é responsabilidade do motorista garantir a segurança deste passeio e saber como transportar crianças no carro é fundamental, tanto para elas quanto para os outros ocupantes do veiculo.

Na década de 90, muitos pais devem lembrar que os passeios eram feitos com as crianças sentadas no banco de trás, sem nenhuma proteção. Os equipamentos só passaram a ser exigidos em 97 pelo Código Brasileiro de Trânsito.

Mesmo com toda essa segurança atualmente exigida, no Brasil, pelo menos duas crianças morrem por dia em acidentes de trânsito.

O respeito à lei não é apenas burocracia legal, é a segurança da sua família que está em jogo, por isso, é muito importante conhecer as leis, normas e ter consciência.

Quer saber como transportar crianças de forma correta e segura? Separamos algumas dicas:

A lei determina que crianças inferiores a 10 anos estejam sempre no banco traseiro, com equipamentos compatíveis com idade e peso. Dispositivo este, que são fundamentais para evitar, em caso de acidente, a criança seja arremessada para fora do veiculo.

Além disso, diminui a chance de danos à coluna vertebral e cabeça. Ajudando também a desacelerar o corpo no momento da colisão.

Lembrando que, transportar crianças, menores de 10 anos, sem os dispositivos necessários é infração gravíssima, gerando multa de 7 pontos na carteira do condutor.

Contudo, as leis do CONTRAN permanecem as mesmas, o que muda, são os equipamentos de acordo com peso e idade da criança a ser transportada.

Um dado importante: ao transportar crianças devidamente, ela tem 71% de sobreviver a um acidente de carro.

O que não deve fazer ao transportar crianças no carro

Muito criticado, o cinto de segurança foi projetado para ser usado em pessoas adultas, com no mínimo 1,45m e altura. Por isso, transportar crianças apenas com este dispositivo gera multa e perda de pontos na carteira.

O cinto de segurança para os bebês e crianças é grande demais e não consegue desempenhar a função para a qual foi criado, com eficiência e tornam-se incômodos para os pequenos. Em caso de colisão, as crianças podem ser arremessadas do carro por não estarem devidamente seguras, ou podem sofrer contusões graves provocadas pelo mau uso do equipamento.

O colo não é uma opção segura para transportar crianças. Em caso de acidente, é impossível segurá-los corretamente. É muito comum, e errado, dividir o cinto de segurança com uma criança. O peso do adulto tende a esmaga-la contra a parte da frente do veiculo, caso colida.

Então como transportar crianças com segurança?

Dividida em três categorias, as cadeirinhas, e são exigidas pelo Código Brasileiro de Trânsito. Conheça:

  • Bebê-conforto: para crianças de 1 ano de idade com até 10 kg. Deve ser posicionado de forma que a criança fique olhando para trás do veiculo, evitando lesões no pescoço em caso de batida frontal.
  • Cadeirinha: crianças de 1 e 4 anos passam a usar o assento virado para a frente do veiculo.
  • Assento de elevação: acima de 4 anos, a criança passa a usar este assento que a deixa na altura do cinto de segurança. Só deve ser utilizado caso a criança já tenha o tamanho suficiente para que o cinto não fique próximo ao pescoço.

Qual comprar?

O mercado oferece vários tipos de modelos, por isso, é necessário que avalie a idade e o peso da criança pra escolher o ideal. Não se esqueça do conforto do pequeno.

É muito importante sobre transportar crianças no carro é: selo do Inmetro. Garante a procedência e a segurança do transporte das crianças.

Dica: antes de começar o passeio, certifique-se que todos os passageiros estão devidamente em seus lugares e usando seu dispositivo de segurança bem colocado e ajustado.

Bebês e crianças só devem ser retirados das cadeirinhas ou de seus assentos após a chegada ao destino, com o carro desligado e , por último, sempre ler o manual do fabricante, nele existem informações importantes para a utilização do produto.

Gostou dessas dicas de como transportar crianças com segurança? Para ficar por dentro, fique ligado também nas nossas redes sociais: Facebook, Instagram, YouTube e LinkedIn.